Thursday, May 29, 2008

Se depois de eu morrer, quiserem escrever a minha biografia,
Não há nada mais simples.
Tem só duas datas - a da minha nascença e a da minha morte.
Entre uma e outra todos os dias são meus.


Alberto Caeiro
(tenho saudades de ler mais. e este fim-de-semana a feira do livro -se não estiver a chover- não me escapa)